safras

CORONAVIRUS: Casos globais passam de 343 milhões; recorde diário continua

21 de janeiro de 2022
Compartilhe

Porto Alegre, 21 de janeiro de 2022 – O número de pessoas infectadas pelo
novo coronavírus no mundo passou de 343 milhões, segundo dados compilados pela
Universidade Johns Hopkins, e agora soma 343.122.481. As mortes globais por
covid-19 totalizam 5.576.594.

A Áustria se tornou ontem o primeiro país da União Europeia a impor a
vacinação obrigatória contra a covid-19 para maiores de 18 anos, uma forma de
tentar conter a propagação da pandemia. Os austríacos, que somam uma
população de aproximadamente 8,3 milhões de habitantes, totalizam 1.505.501
infecções, e 13.956 mortes.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) deu aval ao uso dos medicamentos
baricitinibe e sotrovimab, após análises feitas por especialistas
internacionais que atuam em um Grupo de Desenvolvimento de Diretrizes da
agência de saúde e cujos resultados foram publicados no British Medical
Journal. Ambos os medicamentos já estavam sendo usados no Reino Unido.

No Brasil, nas últimas 24h o país bateu o recorde na média móvel de
casos, com mais de 110 mil infecções. O Brasil, que aparece em terceiro lugar
em número de casos, tem 23.595.178 infectados. As mortes no país totalizam
622.476.

Os Estados Unidos seguem com o maior número de contaminações e de mortes
no mundo, com as infecções por covid-19 somando 69.317.377 e as mortes
totalizando 860.386.

Depois dos Estados Unidos, a India tem o maior número de infecções
provocadas pelo novo coronavírus. O total de casos no país atinge a marca de
38.566.027 infecções, e 488.396 óbitos.

O número de contaminações na França totaliza 15.715.702 infecções, e
129.105 mortes. Itália vem em seguida, com 9.418.256 casos e 142.590 mortes.
Depois vem a Espanha, com 8.834.363 casos e 91.599 mortes. Já a Alemanha, maior
economia da União Europeia (UE), soma 8.508.870 contaminações e 116.489
mortes.

A Argentina, que também enfrenta um início de ano de contágios elevado,
soma 7.576.335 infecções e 118.809 óbitos.

O sistema de contagem da Johns Hopkins compila informações da
Organização Mundial da Saúde, do Centro de Controle de Doenças
norte-americano e do Centro de Controle e Prevenção de Doenças europeu, além
de relatos da mídia, de departamentos locais de saúde e comunicados online de
médicos e outros profissionais da saúde. As informações partem da Agência
CMA.

Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2022 – Grupo CMA

Cotação semanal

Dados referentes a semana 20/05/2022

Suíno Independente kg vivo

R$ 5,43

Farelo de soja à vista tonelada

R$ 2.555,00

Casquinha de soja à vista tonelada

R$ 1.167,50

Milho Saca

R$ 89,33
Ver anteriores

Preço base - Integração

Atualizado em: 20/05/2022 13:15

AURORA* base suíno gordo

R$ 5,10

AURORA* base suíno leitão

R$ 5,20

Cooperativa Languiru

R$ 5,20

Cooperativa Majestade*

R$ 5,10

Dália Alimentos

R$ 5,20

Alibem - base creche e term.

R$ 4,10

Alibem - base suíno leitão

R$ 5,20

BRF

R$ 5,30

Estrela Alimentos - creche e term.

R$ 4,10

Estrela Alimentos - base leitão

R$ 5,15

JBS

R$ 5,30

Pamplona* base term.

R$ 5,10

Pamplona* base suíno leitão

R$ 5,20
* mais bonificação de carcaça Ver anteriores

Parceiros da Suinocultura Gaúcha

Parceria