Suinocultura

Singapura é o quarto maior importador de carne suína brasileira

6 de outubro de 2017
Compartilhe

Singapura é, atualmente, o quarto maior importador de carne suína brasileira. Segundo informações da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), o país foi destino de 22 mil toneladas do produto entre janeiro e agosto, o equivalente a 4,4% de tudo que foi exportado pelo Brasil no período, gerando receita de US$ 57,1 milhões.

Conforme destaca o presidente-executivo da associação, Francisco Turra Singapura é um mercado em crescimento, que acumula alta de 2% neste ano. A ampliação das oportunidades neste mercado amplia ainda mais a boa expectativa do setor quanto ao desempenho das exportações no próximo ano.

Levando em consideração esses dados, o presidente-executivo destacou a importância da abertura do mercado de Singapura para as vendas de carne suína com osso e miúdos, anunciada pelo Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, nesta quinta-feira (05/10). “Foi mais uma importante conquista para o Brasil, resultado do excelente trabalho do Ministério da Agricultura e da iniciativa privada para a ampliação das vendas internacionais. Junto com a viabilização das vendas para a Coreia do Sul e para o Peru, esperamos um desempenho ainda mais positivo nos negócios internacionais em 2018”, analisa Turra em comunicado oficial da associação.

A abertura também contemplou o setor de carne bovina (produtos com osso) e se estende aos estados livres de aftosa com vacinação. Antes, apenas Santa Catarina, que é livre de aftosa sem vacinação, era o único estado a exportar para o país asiático. Com informações ABPA.

Cotação semanal

Dados referentes a semana 23/02/2024

Suíno Independente kg vivo

R$ 6,25

Farelo de soja à vista tonelada

R$ 1.971,67

Casquinha de soja à vista tonelada

R$ 950,00

Milho Saca

R$ 58,25
Ver anteriores

Preço base - Integração

Atualizado em: 26/02/2024 14:00

AURORA* - base suíno gordo

R$ 5,30

AURORA* - base suíno leitão

R$ 5,40

Cooperativa Majestade*

R$ 5,30

Dália Alimentos* - base suíno gordo

R$ 5,30

Dália Alimentos* - base leitão

R$ 5,40

Alibem - base creche e term.

R$ 4,40

Alibem - base suíno leitão

R$ 5,25

BRF

R$ 5,35

Estrela Alimentos - creche e term.

R$ 4,24

Estrela Alimentos - base leitão

R$ 5,25

JBS

R$ 5,30

Pamplona* base term.

R$ 5,20

Pamplona* base suíno leitão

R$ 5,30
* mais bonificação de carcaça Ver anteriores

Parceiros da Suinocultura Gaúcha

Parceria