safras

PETRÓLEO: Futuros sobem com dólar fraco e ameaças à oferta

14 de janeiro de 2022
Compartilhe

Porto Alegre, 14 de janeiro de 2022 – Os preços dos contratos futuros de
petróleo sobem nesta manhã, a caminho de sua quarta semana de ganhos,
impulsionados por restrições de oferta e um dólar mais fraco, apesar de
fontes dizerem que a China deve liberar reservas de petróleo em breve.

Os preços do petróleo ficaram positivos com o dólar caminhando para o
que poderia ser sua maior queda semanal em mais de um ano. Um dólar mais fraco
torna as commodities mais acessíveis para os detentores de outras moedas.

Vários bancos previram preços do petróleo em US$ 100 o barril este ano,
com a expectativa de que a demanda supere a oferta, principalmente porque as
restrições de capacidade entre os países da Organização dos Países
Exportadores de Petróleo (Opep) entram em foco.

“Os membros não estão conseguindo cumprir com os retornos acordados de
produção. Além disso, mesmo nesse processo, o cartel está longe de produzir
o que produzia antes da pandemia”, afirmam analistas da OANDA.

No entanto, fontes disseram à Reuters que a China planeja liberar reservas
de petróleo em torno do feriado do Ano Novo Lunar entre 31 de janeiro e 6 de
fevereiro como parte de um plano coordenado pelos Estados Unidos com outros
grandes consumidores para reduzir os preços globais.

O Departamento de Energia dos Estados Unidos disse na quinta-feira que
vendeu 18 milhões de barris de petróleo.

A China também registrou seu primeiro declínio anual nas importações de
petróleo bruto em duas décadas, embora os comerciantes esperem que as
importações se recuperem este ano.

Por volta de 9h47 (de Brasília), o preço do contrato do petróleo WTI
negociado na Nymex com entrega para fevereiro subia 0,42%, cotado a US$ 82,12 o
barril. Já o preço do contrato do Brent negociado na plataforma ICE, com
entrega para marços avançava 0,67%, cotado a US$ 84,47 o barril. Com
informações da Agência CMA.

Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2022 – Grupo CMA

Cotação semanal

Dados referentes a semana 21/01/2022

Suíno Independente kg vivo

R$ 5,34

Farelo de soja à vista tonelada

R$ 2.690,00

Casquinha de soja à vista tonelada

R$ 1.550,00

Milho Saca

R$ 99,00
Ver anteriores

Preço base - Integração

Atualizado em: 21/01/2022 14:47

AURORA* base suíno gordo

R$ 5,40

AURORA* base suíno leitão

R$ 5,50

Cooperativa Languiru

R$ 5,70

Cooperativa Majestade*

R$ 5,40

Dália Alimentos

R$ 5,90

Alibem - base creche e term.

R$ 4,40

Alibem - base suíno leitão

R$ 5,45

BRF

R$ 5,50

Estrela Alimentos - creche e term.

R$ 4,60

Estrela Alimentos - base leitão

R$ 5,45

JBS

R$ 5,30

Pamplona* base term.

R$ 5,40

Pamplona* base suíno leitão

R$ 5,50
* mais bonificação de carcaça Ver anteriores

Parceiros da Suinocultura Gaúcha

Parceria