Suinocultura

RS realiza primeiros embarques de carne suína para Filipinas

27 de junho de 2024
Compartilhe

Pouco mais de seis meses depois da visita da missão filipina ao Rio Grande do Sul, aconteceram os primeiros embarques de carne suína para o país asiático. As cargas saíram nesta terça-feira das plantas da Alibem de Santa Rosa e Santo Ângelo. A missão esteve no estado em dezembro do ano passado. Os técnicos do país conheceram o trabalho desenvolvido pelo Serviço Veterinário Oficial e visitaram propriedades e indústrias em dezembro e anunciaram a aprovação do produto gaúcho em março deste ano.

As Filipinas são um importante mercado da carne suína brasileira, afirma o presidente do Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal do RS, Rogério Kerber. Segundo ele, deverá ser o segundo maior comprador em 2024, perdendo apenas para a China. Em 2023 foi o terceiro maior mercado, com mais de 126 mil toneladas de carne suína exportada. Conforme Kerber, trata-se de uma vitória possível após a conquista do status de área livre de febre aftosa sem vacinação. Se considerar aves e suínos, as duas proteínas aprovadas para a exportação do RS para as Filipinas, o volume em 2023 foi de 394 mil toneladas.

A diretora do Departamento de Defesa Agropecuária da Secretaria da Agricultura do RS, Rosane Collares, destaca que durante a visita da missão em dezembro, “as autoridades filipinas ficaram bastante satisfeitas com os controles apresentados e foram rápidas na resposta”. Ela pontua também que desde o ano passado já vieram ao Rio Grande do Sul doze missões internacionais. “Ter essa oportunidade de demonstrar a excelência do Serviço de Defesa do Rio Grande do Sul é uma grande satisfação para os servidores. Nós temos essa oportunidade de demonstrar a seriedade com que se trabalha o tema defesa.” O chefe do Serviço de Inspeção de Produtos de Origem Animal do Ministério da Agricultura no RS, Márcio Todero, afirma que os embarques para o novo mercado são resultado da organização de toda a cadeia produtiva e que é importante para a diversificação dos mercados.

Foto: Divulgação Alibem

Fonte: Thais D'Avila

Cotação semanal

Dados referentes a semana 19/07/2024

Suíno Independente kg vivo

R$ 7,41

Farelo de soja à vista tonelada

R$ 2.116,67

Casquinha de soja à vista tonelada

R$ 1.300,00

Milho Saca

R$ 62,50
Ver anteriores

Preço base - Integração

Atualizado em: 19/07/2024 14:00

AURORA* - base suíno gordo

R$ 5,65

AURORA* - base suíno leitão

R$ 5,75

Cooperativa Majestade*

R$ 5,65

Dália Alimentos* - base suíno gordo

R$ 5,50

Dália Alimentos* - base leitão

R$ 5,65

Alibem - base creche e term.

R$ 4,85

Alibem - base suíno leitão

R$ 5,65

BRF

R$ 5,35

Estrela Alimentos - creche e term.

R$ 4,52

Estrela Alimentos - base leitão

R$ 5,60

JBS

R$ 5,30

Pamplona* base term.

R$ 5,65

Pamplona* base suíno leitão

R$ 5,75
* mais bonificação de carcaça Ver anteriores

Parceiros da Suinocultura Gaúcha

Parceria