safras

PETRÓLEO: Futuros operam em queda e mercado reflete estoques dos EUA

21 de janeiro de 2022
Compartilhe

Porto Alegre, 21 de janeiro de 2022 – Os preços dos contratos futuros de
petróleo seguem operando em queda no início da tarde, apesar de uma leve
recuperação, com os investidores mais inclinados ao risco após a commodity
atingir a maior alta nos últimos sete anos após a divulgação dos estoques
dos Estados Unidos ontem.

O recente rali dos preços do petróleo pareceu ter perdido força ontem,
quando o Brent e o WTI encerraram o pregão com perdas mínimas. Ambos ganharam
mais de 10% somente este ano, em meio a preocupações com a oferta.

Os estoques de gasolina nos Estados Unidos, o maior consumidor mundial de
petróleo, subiram 5,9 milhões de barris, para o maior nível desde fevereiro
de 2021, de acordo com a Agência Internacional de Energia (EIA, na sigla em
inglês). Os estoques de petróleo subiram 515.000 barris na semana passada,
contra as expectativas do mercado.

A EIA também relatou um leve declínio nas refinarias, indicando menor
demanda por petróleo bruto.

“O petróleo estava sendo muito sobrecomprado e não poderia ficar sozinho
nos ganhos num cenário de um mercado de ações em forte queda e um relatório
de fornecimento da commodity misto da EIA, que levou em consideração a
leitura baixa do fornecimento de gasolina”, explicam analistas do The Price
Group.

As preocupações com o fornecimento de petróleo aumentaram esta semana
depois que a etnia Houthi, do Iêmen, atacou os Emirados Árabes Unidos, o
terceiro maior produtor da Organização dos Países Exportadores de Petróleo
(Opep), enquanto a Rússia, o segundo maior produtor de petróleo do mundo,
colocou uma grande presença de tropas perto da fronteira com a Ucrânia,
alimentando temores de invasão.

No entanto, a Agência Internacional de Energia (AIE) disse na quarta-feira
que a oferta de petróleo em breve ultrapassará a demanda, uma vez que alguns
produtores estão programados para bombear em altas ou acima de todos os tempos,
enquanto a demanda se mantém apesar da propagação da variante Ômicron do
coronavírus.

Por volta de 13h00 (de Brasília), o preço do contrato do petróleo WTI
negociado na Nymex com entrega para março caía a 0,56%, cotado a US$ 85,07 o
barril. Já o preço do contrato do Brent negociado na plataforma ICE, com
entrega para março caía 0,71%, cotado a US$ 87,75 o barril. Com informações
da Agência CMA.

Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2022 – Grupo CMA

Cotação semanal

Dados referentes a semana 20/05/2022

Suíno Independente kg vivo

R$ 5,43

Farelo de soja à vista tonelada

R$ 2.555,00

Casquinha de soja à vista tonelada

R$ 1.167,50

Milho Saca

R$ 89,33
Ver anteriores

Preço base - Integração

Atualizado em: 20/05/2022 13:15

AURORA* base suíno gordo

R$ 5,10

AURORA* base suíno leitão

R$ 5,20

Cooperativa Languiru

R$ 5,20

Cooperativa Majestade*

R$ 5,10

Dália Alimentos

R$ 5,20

Alibem - base creche e term.

R$ 4,10

Alibem - base suíno leitão

R$ 5,20

BRF

R$ 5,30

Estrela Alimentos - creche e term.

R$ 4,10

Estrela Alimentos - base leitão

R$ 5,15

JBS

R$ 5,30

Pamplona* base term.

R$ 5,10

Pamplona* base suíno leitão

R$ 5,20
* mais bonificação de carcaça Ver anteriores

Parceiros da Suinocultura Gaúcha

Parceria